PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

PÁGINA 1
Nesta edição


PÁGINAS 6,7,8,9,10 E 11
Entrevista


PÁGINAS 12 E 13
Crônica


PÁGINAS 14, 15, 16 E 17
Dossiê: Reprodução Assistida - História


PÁGINAS 18,19 E 20
Dossiê: Reprodução Assistida - Em foco


PÁGINAS 21 E 22
Dossiê: Reprodução Assistida- Vanguarda


PÁGINA 23
Dossiê: Reprodução Assistida - Repercussão


PÁGINAS 24, 25, 26, 27, 28, E 29
Dossiê: Reprodução Assistida- Debate


PÁGINAS 30 E 31
Tecnologia


PÁGINAS 32 E 33
Medicina no mundo


PÁGINAS 34 e 35
Opinião


PÁGINAS 36,37 E 38
Solidariedade


PÁGINAS 39,40,41 E 42
Turismo


PÁGINAS 43,44,45 E 46
Agenda Cultural


PÁGINA 47
Resenha


PÁGINA 48
Fotopoesia


GALERIA DE FOTOS


Edição 87 - Abril/Maio/Junho de 2019

PÁGINAS 43,44,45 E 46

Agenda Cultural

Agenda Cultural

MUSEUM OF CONTEMPORARY ART CHICAGO
Ao todo são apresentadas 18 obras do Museum of Contemporary Art Chicago (MCA). A seleção da mostra inclui lacunas históricas da coleção do MASP, como René Margritte,
Roberto Matta e Wifredo Lam, além de obras de artistas ligados à pop art, como Andy Warhol, e mulheres, como Cindy Sherman e Cristina Ramberg.



Museu de Arte de São Paulo (Masp), Av. Paulista, 1578, São Paulo. Terça das 10h às 20h; e de quarta a domingo, das 10h às 18h. Entrada: R$ 40. Até 30/12.

MARC FERREZ: TERRITÓRIO E IMAGEM


Com curadoria de Sergio Burgi e Ileana Pradilla, a mostra Marc Ferrez: Território e Imagem apresenta a extensa obra do fotógrafo brasileiro, realizada em todo o País em mais de 50 anos de atuação profissional, entre 1867 e 1923. A exposição conta com mais de 300 itens do acervo do Instituto Moreira Salles (IMS) e de várias instituições, incluindo fotografias e, álbuns originais, câmeras, equipamentos fotográficos e documentos que discutem o papel da imagem fotográfica no processo de exploração do território nacional.

Instituto Moreira Salles (IMS) – Avenida Paulista, 2.424, São Paulo. De terça a domingo, das 10h às 20h; e às quintas (exceto feriados), das 10h às 22h. Entrada gratuita. Até 2/8.


MAREPE: ESTRANHAMENTE COMUM
Com curadoria de Pedro Nery, a primeira grande exposição individual do artista baiano em São Paulo traz uma visão ampla de sua trajetória, que teve início nos anos 1990. O conjunto de 30 obras resgata poeticamente uma memória pessoal, que se funde com a cidade onde Marepe (Marcos Reis Peixoto) nasceu, Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo Baiano, na década de 70. As obras foram organizadas pela curadoria em três verbos: mover, transformar e condensar, os quais o artista recorda constantemente em sua trajetória, permitindo um olhar simbólico aprofundado sobre as obras.



Pina Estação – Largo General Osório, 66, 4º andar, São Paulo. De quarta a segunda-feira, das 10h às 17h30. Entrada gratuita. Até 28/10.

AINDA HÁ NOITE

A exposição reúne imagens, seja como conceito ou cenário, que recorrem à noite da América Latina. Feita por dez artistas, de diferentes países latino-americanos — Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Guatemala, México, Peru e Uruguai — e, ainda, do Reino Unido e da Espanha, a mostra busca questionar a ideia de que o dia deixa as coisas mais claras. A exibição apresenta aspectos da noite e são tratados temas como a violência, as cicatrizes dos processos de colonização e os atuais movimentos de negação dos conhecimentos científico e histórico. Os artistas participantes são Alejandro Chaskielberg (Argentina), Alejandro e Cristóbal Olivares (Chile), Cristina de Middel (Espanha), Bruno Morais (Brasil), Gihan Tubbeh (Peru), Ignacio Iturrioz (Uruguai), Jorge Panchoaga (Colômbia), Juan Brenner (Guatemala), Kalev Erickson (Reino Unido), Luisa Dörr (Brasil) e Yael Martínez (México).

Itaú Cultural – Avenida Paulista, 149, São Paulo. De terça a sexta, das 9h às 20h. Sábado, domingo e feriado, das 11h às 20h. (Com permanência até as 20h30). Entrada franca. Até 11/8. 


JOÃO CARLOS MARTINS E BACHIANA FILARMÔNICA

Considerado mundialmente um dos maiores intérpretes de Johann Sebastian Bach, o maestro João Carlos Martins se eleva a um escalão alcançado por poucos músicos brasileiros. E o público que for apreciar a Temporada 2019 da Bachiana Filarmônica Sesi-SP, poderá ver de perto, além do regente, a qualidade dos músicos de uma das
melhores orquestras brasileiras.

Theatro Municipal de São Paulo –Praça Ramos de Azevedo, s/nº. Dia 17/9: Mozart — Concerto para Piano e Orquestra, regente: João Carlos Martins, solista: Davi Campolongo. Dia 15/10: Concerto de encerramento da temporada: Carl Reinecke (1824-1910) - Concerto para Flauta e Orquestra, regente: Heitor Fujinami, solista: Edson Beltrami. Valores: de R$ 35 a 70.

VANGUARDA BRASILEIRA DOS ANOS 1960 – COLEÇÃO ROGER WRIGHT



Com curadoria de José Augusto Ribeiro, a exposição conta com 80 obras realizadas entre as décadas de 1960 e 1970, no Brasil, pelos artistas mais representativos da nova figuração, do teor político e da explosão colorida do pop, como Wesley Duke Lee, Claudio Tozzi, Antonio Dias, Cildo Meireles, Nelson Leirner, Raymundo Colares, Rubens Gerchman, Carlos Zilio, entre outros.

Pinacoteca – Praça da Luz, 2, São Paulo, de quarta a segunda-feira, das 10h às 17h30.
Valor: R$ 10. Gratuito aos sábados. Até 26/08/2020.


VIAGEM NO TEMPO
O Museu da Caixa expõe, permanentemente, um acervo de mais de 5 mil itens com a história do sistema financeiro nacional e do centro antigo de São Paulo, composta por moedas, mobiliário, documentos, obras de arte e fotos, entre outros. Conserva também a organização original da Sala do Serviço Médico, com instrumentos utilizados nas primeiras décadas do século 20.

Praça da Sé, 111, São Paulo. Terça a domingo, das 9h às 19h. Entrada franca.

PALIMPSESTO
A exposição do artista Alex Cerveny, com 44 imagens, manifesta as possibilidades da gravura como meio artístico. Em conjunto com as tiragens numeradas, são apresentadas as provas de impressão, revelando os diferentes processos da gravura.

Museu Lasar Segall, Rua Berta 111, São Paulo. De quarta a segunda, das 11h às 19h. Até 21/10.

INTERIOR

PLANTAE! NO SESC SOROCABA

A composição Plantae! resgata flores e folhagens nativas e exóticas para contar suas histórias e levar o olhar do público a novos lugares. Natureza nativa, meio-ambiente, brasilidade, budismo, naif, feminilidade e grafismos indígenas são elementos que compõem a poética da artista visual, arte-educadora e curadora, Yara Amaral Gurgel Fulni-ô.

Sesc Sorocaba – Rua Barão de Piratininga, 555. Terça, quarta, quinta e sexta, das 10h às 21h30. Sábado e domingo, das 10h às 19h. Entrada franca. Até 29/12.


ACERVO DO MAM VAI À CAMPINAS



A Galeria de Arte do Instituto CPFL, em Campinas, recebe obras da coleção do Museu de Arte Moderna (MAM) de São Paulo. A exposição apresentar uma coleção com 35 pinturas de artistas como Flávio de Carvalho, Iberê Camargo, Tomie Ohtake, Leda Catunda e Paulo Pasta.

Rua Jorge Figueiredo Corrêa, 1632, Chácara Primavera. De 7/8 a 30/11, segunda e terça-feira: 9h às 18h; quarta a sexta-feira: 9h às 19h, sábado e feriados: 10h às 16h. Entrada franca.

CAMPOS DO JORDÃO

PALÁCIO BOA VISTA



Muito procurada nos meses de inverno, Campos do Jordão reserva aos visitantes um rico acervo artístico e cultural no Museu do Palácio do Governo. Sua arquitetura lembra um castelo, e, por isso, recebeu o nome de Palácio Boa Vista. Dentre suas peças estão mobiliários dos séculos 17 e 18, objetos religiosos e obras de artistas contemporâneos como Tarsila do Amaral, Anita Malfati, Aldo Bonadei e Di Cavalcanti.

Palácio Boa Vista, Av. Dr.Adhemar de Barros, 3001, Alto da Boa Vista. De quinta a domingo, das 10h às 12h e das 14h às 16h. Exposição permanente.

S. JOSÉ DO RIO PRETO

BIENAL ITINERANTE


A 5a etapa das Itinerâncias da 33ª Bienal de São Paulo, com realização do Sesc Rio Preto, conta com oito artistas e coletivos brasileiros e internacionais: Alejandro Cesarco, Aníbal López, Bruno Moreschi, Gunvor Nelson, John Miller, Richard Hoeck, Lucia Nogueira, Siron Franco e Sofia Borges.

Sesc Rio Preto – Av Francisco das Chagas Oliveira, 1333. De 27 de agosto a 24 de novembro, de terça a sexta-feira, das 8h30 às 21h30; aos sábados e domingos, das 9h30 às 18h. Entrada gratuita.

(Colaboraram: Maria Melo e Arthur Codjaian Gutierres)


Este conteúdo teve 140 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 9h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS


CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2019 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 209 usuários on-line - 140
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior