PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

PONTO DE PARTIDA (pág. 1)
Renato Azevedo Júnior - Presidente do Cremesp


ENTREVISTA (pág. 4)
Heiner Flassbeck, economista e diretor da Unctad


SINTONIA (pág. 9)
José Ricardo de C. M. Ayres*


CRÔNICA (pág. 12)
Antonio Prata*


CONJUNTURA (pág. 14)
Os problemas da população de rua


DEBATE (pág. 18)
Haino Burmester e Laura Schiesari


MÉDICOS NO MUNDO (pág. 24)
O atendimento da população em regiões de alto risco


SUSTENTABILIDADE (pág. 28)
Alerta para o consumo de alimentos contaminados


GIRAMUNDO (págs. 30 e 31)
Curiosidades da ciência e tecnologia, da história e atualidade


PONTO COM (págs. 32/33)
Acompanhe as novidades que agitam o mundo digital


EM FOCO (pág. 34)
Sherlock Holmes, um doutor detetive


LIVRO DE CABECEIRA (pág. 37)
Sugestão de leitura de Krikor Boyaciyan*


HOBBY (pág. 38)
Esporte já não é exclusivo do universo masculino


CULTURA (pág. 40)
Arte urbana conquista espaço internacional


GOURMET (pág. 45)
Arroz indiano


POESIA( pág. 48)
Ana Cristina César


GALERIA DE FOTOS


Edição 57 - Outubro/Novembro/Dezembro de 2011

GIRAMUNDO (págs. 30 e 31)

Curiosidades da ciência e tecnologia, da história e atualidade

Elas têm a força



Uma lista das 100 mulheres mais poderosas do mundo, em diferentes áreas, foi publicada pela revista Forbes, recentemente. A presidenta brasileira, Dilma Rousseff, ficou em terceiro lugar, logo após a primeira-ministra alemã, Angela Merkel (foto, 1ª à esq.) e a secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton. Oito chefes de Estado e 29 presidentes-executivas estão no ranking. Elas têm em média 54 anos e controlam, juntas, US$ 30 trilhões (R$ 55 trilhões). Vinte e duas delas são solteiras. A primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama, que no ano passado ficou no topo, este ano caiu para a oitava posição. A lista completa está em www.forbes.com/power-women.


Adesivo revolucionário

Cientistas dos Estados Unidos, China e Cingapura anunciaram, na revista Science, um dispositivo que poderá revolucionar procedimentos médicos, videogames e operações de espionagem.  Da espessura de um fio de cabelo, o Sistema Eletrônico Epidérmico (EES, na sigla em inglês) adere à pele como uma tatuagem temporária, “reduzindo o abismo entre eletrônica e biologia”, segundo o co-autor da pesquisa,  John Rogers, professor da Universidade de Illinois (EUA). O EES poderá ser usado no lugar de eletrodos para monitorar o coração, cérebro e tecido muscular. Dentre outras inúmeras utilidades, o adesivo – “tão macio como a pele humana” – tratará a apneia noturna e bebês que precisam de cuidado neonatal.


A automedicação das borboletas

Borboletas-monarcas – espécie que tem as asas cor de laranja com listras pretas e marcas brancas – se automedicam com as diversas espécies da planta serralha. E o mais incrível é que elas depositam seus ovos nelas, ao que tudo indica para também tratar seus filhotes de doenças. A erva possui altos níveis de cardenolidas, substância que reduz infecções parasitárias nesses insetos. Encontrada em quase todo o mundo, a serralha é comestível, rica em vitaminas A, D e E e tem um sabor amargo, sendo usada em saladas e cozidos. A descoberta foi anunciada na revista Ecology Letters, por cientistas das universidades de Michigan e Emory, ambas dos EUA.  


Bicicloteca: livros para moradores de rua

O Instituto Mobilidade Verde (IMV) criou, em parceria com a Ong Movimento Estadual da População em Situação de Rua de São Paulo (Mepsrsp), uma Bicicloteca para percorrer as cidades brasileiras doando livros aos moradores de rua. Trata-se de um triciclo com capacidade para 150 kg de livros. Diferentemente das bibliotecas comuns, a Bicicloteca doa os livros em vez de emprestá-los, desde que a pessoa se comprometa a repassá-lo a outro morador de rua. A ideia partiu do ex-morador de rua e dirigente do Mepsrsp, Robson Mendonça (foto). Qualquer Ong que trabalhe com essa população pode requerer uma Bicicloteca ao IMV por meio do e-mail contato@mobilidadeverde.org. Livros podem ser doados nos endereços: sede do Mepsrsp, na rua José Bonifácio, 398 Lj.1; Biblioteca Municipal Mário de Andrade, na rua da Consolação.

Árvores surreais

Qualquer árvore é especial, mas algumas delas são tão exóticas que parecem ser de outro planeta. A Dracaena cinnabari, por exemplo, tem a forma de um guarda-chuva. Originária de Socobra, um pequeno arquipélago formado por quatro ilhas no Oceano Índico, ela possui uma seiva de cor vermelha que deu origem ao seu nome popular “sangue de dragão”.

As baobás são magníficas. O melhor lugar do mundo para vê-las é Madagascar, ilha africana de Moçambique, onde existem seis das oito espécies conhecidas. Seu tamanho pode oscilar de 3 a 30 metros. As outras duas espécies são encontradas em território moçambicano e na Austrália.

O filho do rio

Indícios de um rio subterrâneo correndo sob o rio Amazonas – com cerca de 6 mil quilômetros de extensão e a 4 mil metros de profundidade – foram anunciados pelo Observatório Nacional, no Rio de Janeiro. Parte de um trabalho de doutorado da geofísica Elizabeth Tavares Pimentel, sob orientação do pesquisador Valiya Hamza, o estudo baseou-se na análise de dados de temperatura de 241 poços perfurados pela Petrobrás. Ambos os rios teriam o mesmo sentido de fluxo, de oeste para leste, mas a vazão média do rio Amazonas, de 133 mil metros cúbicos, é bem maior do que a do rio subterrâneo, estimada em 3.090, superior à do rio São Francisco, de 2,8 mil. “Não é um aquífero, que é uma reserva de água sem movimentação. Nós percebemos movimentação de água, ainda que lenta, pelos sedimentos”, disse o professor Hamza, homenageado pela aluna, que denominou a descoberta de Rio Hamza.



Este conteúdo teve 155 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 9h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h


ESTACIONAMENTOS : NOVOS CONVÊNIOS


CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2019 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 286 usuários on-line - 155
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior